PT | EN

Exposição de pintura

João Salcedas, natural de Aldeia do Carvalho (Covilhã), a partir de 14 de janeiro, pelas 16h00, apresenta-nos uma mostra essencialmente figura-tiva e influenciada pelo rigor da sua profissão de ilustrador. Nas trinta e quatro telas apresentadas utiliza o óleo, mas também algumas aguarelas, sobretudo desde que pinta ao ar livre temas tão queirosianos que deram inclusivamente o título à exposição de “A cidade e as serras”. A exposição estará patente ao público na Real Fábrica Veiga, entre 14 de janeiro e 19 de fevereiro, e a entrada é livre e gratuita.

Meia Hora no Museu...

Meia hora no Museu para conhecer uma peça é uma nova atividade a desenvolver em 2017, que se destina a divulgar e valorizar o património material à guarda do Museu e que se encontra patente ao público nas duas exposições permanentes. De 13 de janeiro a 5 de maio, às sextas, entre as 17h e as 17h30, teremos sempre uma nova peça a apresentar e sobre a qual se explicará o seu funcionamento e as histórias que a contextualizam. Sem marcação, a entrada é livre para pessoas de todas as idades. Consulte aqui o seu calendário.

  • Meia hora com o "Sortido de Cardação"
    A 13 de janeiro (17h-17h30), na Real Fábrica Veiga, iremos apresentar o Sortido de Cardação da Escola Campos Melo. Basta aparecer!

  • Escola Têxtil
    Na Oficina Têxtil, às quartas-feiras, vamos ensinar em aulas práticas individuais os saberes e técnicas da "arte" milenar da tecelagem. Saiba +

  • Tardes de Domingo Gratuitas no Museu
    Com as Tardes de Domingo no Museu já pode visitar o Museu sem custos. Entre as 14h30 e as 18h00 todos os visitantes beneficiam de entrada livre nos dois espaços museológicos. 

  • Povoamento e propriedade entre o Zézere e o Tejo (séc.XII-XIV)
    Da autoria de Maria da Graça Vicente, esta obra, editada pelas Edições Colibri, encontra-se à venda nas lojas do Museu. Saiba +.